VINHAS

Em pleno Vale do Forno, temos instaladas 7.5 hectares de quatro pequenas parcelas de vinha com condições geológicas e edáfo-climaticas completamente distintas entre si, mas que permitem explorar todo o potencial enológico desta grande região. Hoje, cerca de 70% nos nossos vinhos são produzidos com nossas próprias uvas, enquanto compramos que os restantes 30% de pequenos produtores locais. Começamos o nosso projeto em 2005 com apenas 0,5 hectare de uma parcela da família, e temos comprado mais terrenos desde então. Nosso objetivo é tornarmos 100% auto-suficientes durante os próximos 10 anos. 

C20EB74E-7E6C-482F-BEBA-A10127C5E668
C20EB74E-7E6C-482F-BEBA-A10127C5E668

press to zoom

press to zoom

press to zoom
C20EB74E-7E6C-482F-BEBA-A10127C5E668
C20EB74E-7E6C-482F-BEBA-A10127C5E668

press to zoom
1/5

SUSTENTABILIDADE

Praticamos uma viticultura assente na sustentabilidade através de um modo de produção biológica, protegendo a biodiversidade da região. Acreditamos que assim podemos conceder uma maior autenticidade e caráter aos nossos vinhos. Recorremos à mão de obra familiar e ocasionalmente alguns trabalhadores rurais locais, possibilitando um melhor aproveitamento e desenvolvimento dos recursos e capacidades da região.

_DSC3559_pormenoresVadio2018
_DSC3559_pormenoresVadio2018

press to zoom
_MG_4391_vinhas
_MG_4391_vinhas

press to zoom

press to zoom
_DSC3559_pormenoresVadio2018
_DSC3559_pormenoresVadio2018

press to zoom
1/3

MANEIO DA VINHA

O maneio de cada parcela é planeado e realizado atendendo às diferentes composições de solo e castas, em conjunto com o resto dos fatores vitícolas, a fim de chegar a uma completa e equilibrada maturação com a personalidade própria de cada terreno e casta. Decidimos replantar a maior parte das nossas vinhas para conseguir produções mais balanceadas e melhores maturações usando um sistema de poda distinto. Na BAIRRADA, o sistema de poda tradicional é uma adaptação do guyot, que permite produções muito elevadas. Decidimos utilizar o sistema de cordão unilateral com copas mais altas, o que nos permite ter uma melhor ventilação, exposição solar, menores produções e melhores maturações fenólicas.

MANEIO PEB
MANEIO PEB

press to zoom
MANEIO PEB
MANEIO PEB

press to zoom
1/1

VINHA DO REXARTE

A vinha do Rexarte, reestruturada em 2007, é uma colina com exposição à oeste e tem um solo arenoso da época Plioceno e está dedicada às castas brancas tradicionais Cercial e Bical. Em 2009, adquirimos uma parcela de 0,5 ha contigua à esta vinha, que tem a particularidade de ser uma zona de transição entre solos argilosos e arenosos. Aqui instalamos Baga.

press to zoom

press to zoom
1/1

VALE DOM PEDRO

A vinha do Vale do Dom Pedro fica em uma encosta oposta ao Rexarte. Separadas por um pequeno riacho, tem solos completamente distintos: argilo-cálcareo e areia. Por esta razão, decidimos aqui instalar baga. Plantada em 2009, esta parcela de 0,5 ha com exposição nascente, evidencia a frescura natural da baga.

VALE DOM PEB
VALE DOM PEB

press to zoom
VALE DOM PEB
VALE DOM PEB

press to zoom
1/1

VINHA DO BARRIO

A vinha do Barrio está localizada em um vale. O relevo é ligeiramente ondulado e o solo é de origem argilo-calcária, do período jurássico. Aqui, temos plantada exclusivamente Baga. Esta vinha divide-se em 3 parcelas: uma vinha velha de registro de 1932, a que chamamos o BARRIO VELHO (0,2 ha), conduzida de forma tradicional; a parcela da CANCELINHA (1,3 ha) plantada em 2013; e a parcela do BARRIO do FORNO (1,2 ha) instalada em 2007, assim chamada por estar localizada numa zona onde chegaram a existir 7 fornos de cal devido à grande abundância de calcário.

vinha do barrio.jpg

VINHA DO FOJO

A Vinha do Fojo é a nossa mais recente aquisição, e está localizada no meio do Vale Dom Pedro. Esta vinha está divida em 3 diferentes parcelas: Calçada Velha (0,48 ha) plantada em 1995, cerca de 95% baga + 5% bical; Calçada Nova (0,46ha) plantada em 2007, 100% baga; Fojo (0,78ha) plantada em 2007, 100% baga. O solo é majoritariamente argilo-calcário.

CF070266_80MPVadio2018_EDIT.png